This is an example of a HTML caption with a link.




sábado, abril 19, 2014


..
É ou não é publicidade?


Há um tempinho uma coisa vêm me incomodando na blogosfera: tudo que você posta, sendo no blog ou em redes sociais, é taxado como publicidade. Não pode citar a marca, não pode falar que gostou, não pode taggear a empresa, caso contrário, sempre vem alguém te questionando ou acusando, como acontece na maioria dos casos, de estar fazendo propaganda velada.

Isso começou a acontecer quando apareceram várias denúncias de blogueiras que ganhavam dinheiro para dar aquela "dica amiga". Aí todas as bloggers, principalmente as de moda e beleza, começaram a pagar o pato por causa dessas que eram desonestas com as suas leitoras. Como me acusaram há alguns dias e também vi acontecer com outras blogueiras no Instagram, resolvi fazer este post para esclarecer algumas coisinhas:

- Quando é publicidade? 
Bom, quando eu estou sendo paga para falar sobre um produto ou serviço, sempre vai aparecer ao final do post um banner escrito que tal texto é um publieditorial. Da mesma forma, uso hashtags para identificar anúncios no Facebook ou Instagram do HC.

- Você ganhou ou comprou o produto? 
Tudo que recebo das assessorias de imprensa ou empresas e mostro aqui no blog é identificado como tal. Se ganhei o produto, vocês vão ficar sabendo! Os chamados "press kits" são esses produtos que recebo para testar, normalmente, novidades de marcas de beleza. A maioria das pessoas que trabalha com comunicação recebe tais kits. Na TV, por exemplo, em que trabalho com cultura, sempre recebo livros, cds, filmes, convites para teatro, cinema, exposições... Falar sobre o que é novo faz parte do meu trabalho, sendo como blogueira ou jornalista. 

- E quando é presente ou você é convidada para conhecer algum serviço?
A gente também recebe produtos que não são, necessariamente, novidades. Às  vezes, roupas ou acessórios de uma marca, ovo de páscoa/chocolate (como aconteceu nos últimos dias), entre outros mimos. Além disso, também acontece de sermos convidadas para conhecer algum serviço/loja. Se eu julgar interessante, posto aqui sem problemas, avisando, é claro, que fui convidada para conhecer tal proposta. 

- Você fala sempre sobre uma mesma loja/marca. Ela te paga?
Se ela me pagar, vou avisar. Pode ser que goste da loja/marca e por isso fale tanto dela. Isso acontece, gente. 

- Você sempre posta o que ganha, seja press kit ou presente?
Na maioria das vezes, sim. No meio da comunicação, existe a divulgação por publicidade e a divulgação espontânea. Quando eu estou sendo paga para falar de tal produto que recebi, divulgo identificando que recebi dinheiro para falar sobre o que postei. Quando não estou sendo paga, é mídia espontânea. Ganhei algo, gostei, achei bacana compartilhar e é isso aí! Se recebi da marca, coloco a tag #presskit, se comprei, não coloco nada, afinal, pra quê, né? 

A ideia dos blogs de moda e beleza é falar sobre os assuntos de forma livre. Compartilhar uma peça bacana que comprei, uma novidade de maquiagem que usei, algo novo para o cabelo que recebi... Essa sempre foi a ideia. As pessoas têm que entender que, comprando ou ganhando algo num press kit, essa é uma forma de gerar conteúdo para o blog e suas redes sociais. Como bloggar se firma cada vez mais como profissão rentável (o que não é, de jeito nenhum, errado), muitas pessoas confundem e acham que todo mundo neste meio age de má fé. Não é bem assim! Existem, claro, blogueiras que camuflam publicidade, mas existem também muitas que são honestas e mandam a real para as suas leitoras. São nessas últimas que vocês devem confiar, óbvio!

Aqui no HC eu sempre fiz (e ainda faço!) questão de deixar tudo bem claro. O mesmo acontece no Pluriblogs, coletivo de blogs do qual eu participo. Quis fazer esse post só para esclarecer essas coisas e não ter que me explicar toda vez que gostar de um produto e quiser falar dele, afinal, falar sobre o que me agrada (ou não), sempre foi  objetivo do blog, né? ;)

Imagem: Laurenconrad.com
Comments

..
Testei: Blush da linha Instain, da The Balm, cor Lace


Estou devendo essa resenha (e outras também) há um tempão para vocês. A partir de hoje, vou fazer mais resenhas de maquiagem e beleza aqui no blog. Sinto falta disso no HC, afinal, essa era principal característica dos posts daqui nos primórdios do blog. Enfim, hoje vim mostrar o blush mais fofo que tenho em minha coleção. Sabem aqueles produtos que a gente compra só pela embalagem? Pois é, esse seria um desses.


A The Balm é dessas marcas que conquistam a gente pela apresentação e, até então, só tinha experimentando as sombras da empresa e estava curiosa para ver como o blush iria funcionar na minha pele. A cor que eles é enviaram um rosa bem forte com o fundo mais azulado do que avermelhado (como o meu Frankly Scarlet, da MAC, que puxa bem para o vermelho). De início, fiquei com receio da cor ficar estranha no meu tom de pele, mas não, ela ficou ok - mas tem que usar com cuidado porque o produto é super pigmentado. 


Mostrando na pele com o produto aplicado com um pouquinho de exagero, dá para ver como ele fica. Gosto de usá-lo em maquiagens mais a dia a dia, com delineador, máscara de cílios, iluminador (já que o blush é fosco) e um batom também rosado. Fica delicado, sabe? 

Sobre a duração, a linha Instain promete blushs que duram por um bom tempo no rosto. Promete e cumpre porque mesmo no calor o produto ficou por mais cinco horas no meu rosto sem precisar de retoques. Ponto positivo! 

O único ponto negativo, infelizmente, é o preço: R$89,90. A The Balm é uma marca importada, então, acaba que chega aqui no Brasil com o valor um pouco alto mesmo. À quem interessar, ganhei o produto da The Beauty Box e o blush está à venda nas lojas físicas e online da TBB. 


Comments

sexta-feira, abril 18, 2014


..
Achei no Aliexpress #1: lingeries

Desde o dia em que descobri o Aliexpress, um monde de possibilidades se abriu em minha vida de compras. Ai que poética, haha, mas é verdade. Tenho achado muita coisa incrível no site e acho que vou mudar totalmente o meu guarda roupa na China - por um preço muito amigo, o que é incrível. Como estou sempre vendo o que tem de legal no site e aumentando cada vez mais a minha wishlist, resolvi compartilhar alguns achados com vocês.

As minhas compras eu mostro em vídeo na tag "Comprei no Ali" e o que eu achar de bacana, separando por temas, eu vou colocar aqui na tag "Achei no Aliexpress". O que vocês acham? Acho que vai ser bacana pra gente compartilhar achados - vou adorar ver o que vocês encontram também.

Bom, para começar, lingerie! Eu amo lingerie de paixão e já falei para vocês que é uma das coisas que eu mais compro, né? Comprei algumas no Ali nos últimos meses (para ser mais precisa, comprei cinco e duas já chegaram!) e tem um tanto ainda na minha wishlist. Algumas delas:







3- U$5,10 cada sutiã

Gostaram? Acho que vai ser útil não só para vocês como para mim também, né? Quem quiser, pode (e deve, por favor, haha!) compartilhar seus achados e indicar nos comentários temas para os próximos posts. ;)
Comments

quinta-feira, abril 17, 2014


..
Hey Cute TV | Transformando batom com textura cremosa em matte

Há um tempinho eu vi no The Beauty Department, um dos meus blogs favoritos da vida, um tutorial bem simples ensinando como transformar a textura cremosa de um batom em matte. Esse post seria ilustrado com fotos e mostrando duas opções de produtos para conseguir o efeito sequinho nos batons, mas aí quis fazer com uma opção só e em vídeo.

A primeira técnica que ia mostrar, muitas de vocês já conhecem: a do pó translúcido. Com um pouquinho deste tipo de pó é possível transformar qualquer batom cremoso em matte. A que mostro em vídeo abaixo é feita com sombra colorida. Tão simples quanto a primeira e deixa um efeito ainda mais bonito, vejam só:


Legal, né? Bom que dá para tentar com qualquer cor de batom e sombra de tom correspondente. Boa dica para aqueles momentos em que a gente quer usar um batom matte, mas não tem um na necessaire! ;)

Comments

terça-feira, abril 15, 2014


..
Zooey Deschanel para a Tommy Hilfiger

Eu já tinha contado para vocês no início ano que a atriz Zooey Deschanel iria lançar uma coleção em parceria com a grife norte-americana Tommy Hilfiger, né? Pois é, na época, só tinha saído a notícia mesmo e algumas fotos de divulgação. Hoje venho contar que a venda das peças começa neste mês!

Zooey por aí de "To Tommy, From Zooey"

A coleção cápsula "To Tommy, From Zooey" tem vários vestidos e acessórios desenhados pela atriz. Então, já dá para imaginar roupas bem fofas, femininas e com aquele pézinho lá nos anos 60 que a gente adora. Durante a festa de lançamento da linha, Zooey disse que é "fanática por moda e está sempre à procura de novas maneiras de incorporar peças vintage e femininas em seu próprio guarda-roupa".  A gente percebe, afinal, não é de hoje que esse estilo boneca de se vestir da atriz inspira muita gente! 

A paleta de cores das peças é composta por vermelho, branco e azul e os modelos vão desde os mais clássicos até os shirtdresses, traduzido como camisa vestido pelas bandas de cá. Com preços entre US$98 a US$199, infelizmente, a coleção não será comercializada no Brasil, mas fica a dica para quem for viajar para os EUA, Europa, México e Japão - já que a linha será vendida nesses locais a partir do dia 21 de abril e também no site tommy.com. Desejei! 


Comments