Rotina de beleza é uma coisa que a gente vai mudando sempre, né? Com a quantidade de produtos que surgem todos os dias e a nossa curiosidade em testá-los, é impossível usar sempre as mesmas coisas.

Eu tenho passado também por um processo de redescobrir o que gosto de usar de verdade. Como disse neste texto aqui, a gente mudou um pouco a nossa relação com maquiagem. Se antes seguíamos mil tutoriais com um passo a passo pra lá de padronizado, hoje em dia a gente se sente mais livre para testar coisas novas e ressignificar os nossos produtos.

1. Eu não uso mais base no rosto todo

Se antes eu passava a base mais pesada que tinha na pele toda, hoje em dia nem base pesada eu tenho mais. Na verdade, meu life goals é ter uma pele tão saudável que vou deixar a base completamente de lado, rs. Estava até falando sobre isso no twitter outro dia, sabe? Não sou desconstruída ao ponto de “aceitar” minhas manchinhas de espinhas e ligar o foda-se para elas. Na real, nem sei se quero ser! Por isso ainda uso base para disfarçar essas imperfeições que me incomodam. Não passo no rosto todo, só onde as manchinhas estão mesmo para deixar a pele mais uniforme.

2. Batom agora é blush

Por que eu demorei tanto para usar batom como blush ou sombra, hein? O efeito fica tão legal, tão bonito e natural! Parece que aquela cor na sua bochecha realmente vem de dentro, como se fosse algo que pertence a sua pele. Pego batom rosa ou vermelho, faço alguns pontinhos nas bochechas e espalho bem, assim consigo um efeito bem leve. Ah, e nos olhos é a mesma coisa. Passo sem muita cerimônia. Sobre o efeito brilhoso que ele deixa, bom, isso é o mais legal de usar batom dessa forma.

3. Por onde andam meus batons matte?

Ok, eu sei por onde eles andam, mas a verdade é que quase não os uso mais. Eu entrei meio relutante no retorno do gloss, porém agora já noto que esse é o meu tipo de produto favorito para usar nos lábios. Ainda uso batom vermelho porque é quase que uma marca registrada impossível de largar, mas os outros tons não fazem tanto minha cabeça mais. Tenho usado muito mais glosses e lip balms com cor. O efeito final é fresco e natural na maquiagem.

4. O tal efeito queimadinho de sol

Eu tomava todo o cuidado do mundo ao passar blush para que ele não ficasse marcado. Além disso, o modo de passar era sempre o mesmo: na diagonal! Hoje em dia, depois que descobri o sunstripping (falei sobre ele aqui!), só passo blush imitando queimadinho de sol. Não entendeu? Te explico: passo o blush de forma reta no rosto, na altura das bochechas e também no nariz imitando a cor que a pele fica quando a gente toma muito sol. Pode ser que fique um pouco carregado (eu me empolgo, confesso), mas o resultado final é tão bonito que nem ligo!

5. Chega de esfumados básicos

O meu sonho de princesa era conseguir aquele esfumado preto perfeito. Acho que nunca consegui, na verdade. E quando descobrir que preto não era minha cor (fiz análise de coloração pessoal e na minha cartela Outono Suave o preto não passa nem perto!), me abri para outras possibilidades. Eu quase não uso sombras, mas quando quero fazer alguma gracinha nos meus olhos tenho experimentado usar tons como laranja, rosa e vermelho – cores que eram bem menosprezadas nas paletas, né? Às vezes misturo com um marrom para esfumar ou às vezes vou construindo o efeito usando uma sombra só, concentrando bem na pálpebra e deixando a aparência mais leve e esfumada no côncavo. Percebi que isso acende meu rosto de um jeito incrível e faz com que qualquer look fique mais divertido.

Agora me conta de você: como tem usado maquiagem? Tem se divertido com seus produtos? 🙂

Imagens: Pexels – Giphy

Live a Reply

Onde Estou

Brasil - Belo Horizonte

Fale Comigo

karla@heycute.com.br comercial@heycute.com.br

+55 - 031 | De Belo Horizonte, Brasil | Hey Cute - Por Karla Lopes | AXIOM © 2017 All rights reserved.