0 Flares Filament.io 0 Flares ×

A essa altura do campeonato, muito gente já conhece – mesmo que apenas de nome – a Fenty Beauty, marca de maquiagem criada pela Rihanna. A cantora, uma das minhas favoritas da vida, lança e relança moda o tempo todo.

Dona de um estilo excêntrico e muito único, criou até um lema de que certas peças “são feias até a Rihanna usar”. Não vou mentir que concordo! Na beleza ela também sempre aparecia por aí com maquiagens inspiradoras, mas assim como qualquer mulher negra, teve dificuldade durante a vida toda em encontrar produtos de pele que fossem perfeitos para o seu tom.

Com esse gancho, ela lançou a Fenty Beauty que, de uma forma muito legal, está mudando o mercado da maquiagem e fazendo com que as marcas enxerguem a extensa gama de tons que a pele negra carrega.

A gente já deu uma boa caminhada a respeito disso. Existem marcas que, sim, se preocupam em oferecer mais de um/dois tons de base para a pele negra. Mas muitas outras ainda acham que este número pífio é o suficiente, fazendo com que muitas mulheres negras tenham que se adaptar ao mercado a maquiagem – e não o contrário.

Já ouvi por aí que não fazem tons mais escuros de base porque não tem saída, mas a Fenty Beauty ajudou a desbancar essa teoria pra lá de desonesta: além do iluminador super dourado Trophy Wife, um dos best sellers da marca, as bases mais escuras foram as primeiras a esgotarem nas lojas da Sephora, onde a FB é vendida, e no site da marca. Ou seja, não tem mercado ou tem é muito preguiça de pensar? Fica aí o questionamento!

Depois da Fenty Beauty, podem reparar, muitas marcas estão se preocupando em lançar mais produtos para a pele negra e pensando em seus subtons. Na época do lançamento da FB, a Make Up Forever publicou em seu instagram uma imagem de suas bases dizendo que “ter 40 tons” não era novidade para eles. Rihanna, maravilhosa por si só, simplesmente comentou: e todas ainda continuam cinzas.

Pois é, este é outro ponto importante. Não adianta você dizer que tem produto para pele negra sendo que, no final das contas, ele vai dar um acabamento acinzentado. Se for para fazer, que faça direito, com cuidado.

Como disse, o mercado já mudou bastante nos últimos tempos – principalmente porque agora a gente fala abertamente sobre isso, levando nossas considerações a respeito de produtos que não se preocupam em nos atender. Ainda temos muito o que mudar, mas é importante ver a marca de uma artista tão importante quanto a Riri levantando essa bandeira e levando essa discussão além. Obrigada!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×